12 de jan de 2009

A Tecnologia Renovando o Processo Educativo


(Texto produzido pelas professoras Ana Maria e Gabriela, com base na leitura do texto: O ENSINO E OS RECURSOS DIDÁTICOS EM UMA SOCIEDADE CHEIA DE TECNOLOGIAS, de Vani Moreira Kenski).

A educação nos dias atuais está passando por um processo de renovação de espaços, de resignificação de conteúdos e de valores, tendo como ponto de partida todas as mudanças ocorridas na sociedade. A escola, como instituição integrante e atuante dessa sociedade e desencadeadora do saber sistematizado, não pode ficar fora ou a margem deste dinamismo.

Sabemos que o padrão educativo vigente é ritualizado, cheio de divisões, seriações, conteúdos preestabelecidos, carga horária, calendários etc., onde permanece quase sempre inalterável. O tempo destinado a criação, a interpretação, a reflexão, a descoberta de novas tecnologias é escasso e nem sempre é aproveitado de maneira racional.

Fora da escola, professores e alunos, estão permanentemente em contato com tecnologias cada vez mais avançadas, onde a máquina transforma, modifica e até substitui as tarefas humanas. Eles vivem e atuam nesta realidade como cidadãos participativos, mas não "conseguem" introduzir estas "novidades" dentro da escola, pois necessitam cumprir conteúdos programáticos exigidos.

A escola é um local de tradição cultural e de ampliação de conhecimento, onde o aluno é o centro do processo de aprendizagem, analisando e interpretando as imagens e sons existentes na TV , rádio, computador, através da imagem do professor na sala de aula.

É imprescindível que o professor perceba e saiba o valor e a importância dos recursos audiovisuais para o bom desempenho e eficácia do seu trabalho escolar. A tecnologia além de renovar o processo ensino-aprendizagem, vai propiciar o desenvolvimento integral do aluno, valorizando o seu lado social , emocional, crítico, imaginário, deixando margens para exploração de novas possibilidades de criação.

Portanto, os recursos audiovisuais servem para explorar novas possibilidades pedagógicas e contribuir para uma melhoria do trabalho docente em sala de aula, valorizando o aluno como sujeito do processo educativo.

Fonte: http://edutec.net/Textos/Alia/PROINFO/prf_txtie16.htm

Um comentário:

Tati Martins disse...

Oi, Robson!
Excelente texto. Gostei da dica de leitura.
Onde trabalho há uma resistência acima da média no que diz respeito a inovações tecnológicas. Acho que pelo fato de ser um colégio de nível AA com professores de primeira linha (sentem-se assim pelos resultados obtidos no Enem e nos vestibulares), eles não veem nenhuma necessidade de mudar. Para que ter trabalho se já atingiram o primeiro objetivo que é a grande aprovação nos melhores vestibulares da cidade?
Acho que pensam assim...
Beijinhos!
Estou com saudades de seus comentários e do retorno aos meus comentários.