20 de set de 2007

Mensagem Instantânea e a Linguagem Não Verbal

Como havia postado ontem falando dos emoticons, e sua contribuição para o crescimento da Linguagem Não Verbal, desde o lançamento do YouTube Brasil há várias semanas atrás, eu tenho passado bastante tempo navegando no site em busca de vídeos divertidos. Eu também tentei buscar por vídeos relacionados a alguns dos meus assuntos favoritos; um desses assuntos é o orkut e internet. Quando eu achei este vídeo, cujo título é "Mensagem Instantânea", imediatamente adicionei-o ao meu perfil do orkut para compartilhar com meus amigos, pois eu achei o vídeo muuito engraçado.
Como eu estava curioso sobre o vídeo, entrei (via email) em contato com o diretor, Amilcar Oliveira. Ele me contou que há cerca de um ano atrás, inscreveu o vídeo no Festival do Minuto 2006 cujo tema era "Comunidades na Internet".
O orkut era um tópico que tinha um certo apelo romântico, pois Amilcar havia conhecido sua esposa no site. Ele escolheu criar este curta porque ele queria mostrar como a internet está presente em nossa vida diária, influenciando o modo como nos comunicamos, conhecemos e interagimos com as pessoas. Eu acho que ele fez um grande trabalho em demonstrar o poder do orkut, sem mostrar a palavra "orkut" na tela do computador -- impressionante!
Mais impressionante ainda é que ele gravou a cena, editou a trilha sonora e finalizou o filme em apenas 6 horas. E isso custou a ele menos de 40 reais (que foi o que ele gastou com a cerveja)!

Extremamente inteligente, perfeito.

Assista o vídeo e divirta-se



Abraços

Equipe NTE Itaperuna

Um comentário:

José Antonio Klaes Roig disse...

Oi, amigo e colega Robson. Já coloquei no Letra Viva a tua indicação de texto Educador Inovador. Estou indicando a colegas de NTes aqui do RS e professores e alunos que trabaçlho com informática educativa o blog do NTE Itaperuna, muito interessante, pelas mate´rias que podem servir de referencial para projetos e atividades em sala de aula ou laboratórios de informática. Um abração e parabens pelo belo trabalho. Até mais, Zé Roig.