4 de dez de 2012

Tecnologias na Educação ou Educação com Tecnologias?


Muitas vezes ouvimos falar sobre os investimentos que são feitos em equipamentos tecnológicos para as escolas, professores e alunos, como se esses recursos pudessem ser capazes de promover mudanças na Educação. Geralmente, primeiro pensam e providenciam os equipamentos (Hardware), para em segundo plano pensarem na metodologia que será aplicada ao utilizá-los (Software). Como sabemos o hardware sem o software não é eficiente, da mesma forma que um excelente equipamento utilizado de maneira inadequada pelo profissional também não será eficiente e não trará nenhum avanço a Educação.
Exerci a função de Orientadora Tecnológica por aproximadamente seis anos na Secretaria de Educação do RJ e durante esse período pude acompanhar de perto as inconsistências, mudanças e inseguranças sobre o assunto. O olhar do governo nunca foi uma constante, muito pelo contrário, é sempre uma variável, infelizmente. A falta de continuidade dos Programas Governamentais envolvendo o uso das tecnologias na Educação é uma realidade que interfere de forma direta e negativa nos resultados obtidos.
Não basta colocar equipamentos tecnológicos nas escolas e oferecer cursos mostrando como utilizá-los, é preciso muito mais que isso. O professor precisa estar envolvido pela tecnologia, ele precisa acreditar na eficácia do seu uso, precisa estar seguro, conhecer suas especificidades, para saber identificar qual o recurso poderá auxiliá-lo e em que momento mais adequado.
Sempre me interessei muito pelo uso das TIC’s na Educação, por isso fiz inúmeros cursos na área oferecidos pelo Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE-08), pelo Proinfo e outros, fiz também uma Pós em Mídias na Educação pela UFRJ e pelo caminho percorrido fui descobrindo e me apaixonando pelas possibilidades de uso no processo de ensino/aprendizagem.
Um exemplo prático disso é o Blog “Utilizando as Mídias na Educação” que criei há mais de três anos, um espaço de interação, troca de experiências, descobertas e compartilhamento com colegas, seguidores e visitantes.
Blog, WebQuest, Infográficos, Internet, Redes Sociais, Vídeos, Jogos Educacionais e muitos outros são recursos tecnológicos que podem auxiliar o professor em sua prática.
Entretanto, não adianta usar “novos recursos” com as “velhas metodologias”, é preciso repensar e refletir constantemente sobre o processo e nossas práticas educativas. Os recursos tecnológicos por si só não trazem nenhuma inovação a Educação, o uso que os profissionais da área darão a eles é que poderá ser inovador ou não, tudo dependerá da metodologia que o professor utilizará e de sua mediação no processo, que é essencial e fará toda a diferença.
“As velozes transformações tecnológicas da atualidade impõem novos ritmos e dimensões à tarefa de ensinar e aprender. É preciso que se esteja em permanente estado de aprendizagem e de adaptação ao novo.” Vani Moreira Kenski
“Agora é o momento de enxergar possibilidades imensas de mudança que se abrem a nossa frente. Vale a pena mudar, aprender de verdade, ajudar a quem está começando ou com mais dificuldades. Só assim construiremos um país melhor, como é o desejo profundo da grande maioria das pessoas.” José Manuel Moran
Sobre a autora: Fernanda Gomes da Silva Tardin – Bacharel em Ciências Contábeis, Licenciada em Matemática e Especialista em Mídias na Educação; Atuando como Professora Articuladora Pedagógica, Editora do Blog Utilizando as Mídias na Educação; Facebook: fernandagtardin; Twitter: @fernandagtardin; E-mail: fernandat@prof.educacao.rj.gov.br

6 comentários:

Fernanda Tardin disse...

Obrigada Robson pelo convite, adorei participar do projeto meu amigo.

Abraços!

José Carlos Antonio disse...

É isso aí Fernanda, não basta equipamento se falta projeto adequado de uso. Parabéns pelo artigo!

Fernanda Tardin disse...

Prof. JC!
Aprendo muito com você e com seus artigos maravilhosos.
Receber seu comentário é uma grande alegria.
Obrigada pelo carinho!

marquecomx disse...

Olá Educador Robson Freire, convido você a conhecer o Projeto Educadores Multiplicadores. O objetivo é unir e divulgar blog de educadores.

DIVULGUE SEU BLOG no “EDUCADORES MULTIPLICADORES” e fique em evidência!

http://www.educadoresmultiplicadores.com.br/2012/06/seja-um-educador-multiplicador-divulgue.html

A blogosfera é carente de blogs que tenham informações relevantes, mas você está contribuindo para que ela se torne cada vez mais rica em conhecimentos. Você faz a diferença! Parabéns pelos textos.

Faça parte da família dos Multiplicadores! Seu blog ficará mais conhecido entre os professores/educadores, alunos e escolas de todo o Brasil e Portugal. Amplie seu público!

Permita-me deixar o link para o blog Marquecomx (Divulgaremos seu blog também nas redes sociais), obrigado:

http://www.marquecomx.com.br/

Abraços, fiquemos na Paz de Deus e até breve.

Irivan

Suely Aymone disse...

Fernanda!

Concordo muuuito contigo!
Um ótimo texto, em que refletes sobre as experiências que nós vivenciamos no dia a dia nas escolas.
Infelizmente!
Como tu, participei de formações do ProInfo, da especialização em Tecnologias na Educação e tals...
mas cadê meus colegas de cursos???
São poucos os que utilizam a web como mediadora do conhecimento, como possibilidade de diálogo...
O que vejo é muito powerpoint usado com conteúdos para serem copiados pelos alunos... como se fosse inovação... mas não passa de mais do mesmo: reprodução.
A grande questão é a metodologia!
Beijos!

Fernanda Batistela disse...

Participe do 3º Seminário Nacional de Inclusão Digital – Senid, de 28 a 30 de abril de 2014. Venha compartilhar conosco experiências e aprendizados sobre inclusão digital! Inscreva-se, mande seu trabalho, divulgue sua experiência, venha conhecer o que o mundo da tecnologias digitais pode oferecer como recurso didático para as mais variadas áreas! Submissões de trabalhos abertas em http://senid.upf.br/2014/submissao-de-trabalhos/ até o dia 31/10/2013. Esperamos por vocês !

Site do Senid: http://senid.upf.br.
E-mail do Senid: senid@upf.br
Twitter do Senid: http://twitter.com/senid_upf
Facebook do Senid: http://www.facebook.com/senid.upf
Submissão de trabalhos: http://senid.upf.br/2014/submissao-de-trabalhos/
Inscreva-se em: http://bit.ly/18pqFJa